APLICAÇÃO DO ÍNDICE DE VEGETAÇÃO POR DIFERENÇA NORMALIZADA (NDVI) PARA AVALIAÇÃO DA COBERTURA VEGETAL DO AÇUDE CALDEIRÃO, EM PIRIPIRI (PI), BRASIL

Francílio de Amorim DOS SANTOS, Walkyane Alyne Santos OLIVEIRA

Resumo


A cobertura vegetal influencia diretamente à dinâmica dos solos. Desse modo, foi de suma importância desenvolver estudo para diagnosticar o estado de conservação/degradação ambiental da cobertura vegetal do Açude Caldeirão, em Piripiri (PI), por meio do uso de imagens do satélite Landsat 5 TM e técnicas de sensoriamento remoto para aplicação do Índice de Vegetação por Diferença Normalizada (NDVI), permitindo mensurar a densidade da fitomassa foliar fotossinteticamente ativa por unidade de área. O resultado do NDVI para os anos de 1984 e 2013 aponta aumento nas classes Moderada, Moderadamente Baixa e Baixa, respectivamente, em 3,7%, 2,4% e 1,5%; entretanto, a quantidade de água disponível teve redução de 6,6% na área em estudo. A melhoria no padrão de cobertura vegetal deve-se a campanhas de sensibilização ambiental e aumento da área destinada ao plantio de pastagem; o aumento da demanda de água para consumo da população piripiriense aliado às mudanças climáticas e assoreamento do Açude contribuíram para a redução do volume de água na área. Portanto, por meio do NDVI, é possível apontar estratégias a serem mantidas com base no planejamento das atividades, com monitoramento e assistência técnica, para manter a qualidade ambiental no Açude Caldeirão, em Piripiri (PI).

Palavras-chave


Microbacia Hidrográfica; Vegetação; Sensoriamento Remoto.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Equador, ISSN 2317-3491, Universidade Federal do Piauí.