O ESTUDO DA NATUREZA NA GEOGRAFIA FÍSICA EM UMA PERSPECTIVA GEOSSISTÊMICA

Júlio César Oliveira de Souza, Antônio Carlos de Barros Corrêa

Resumo


O estudo da natureza pela geografia no âmbito acadêmico tem a preocupação de desvelar os mecanismos que regem o funcionamento do meio natural e como os seus componentes interagem. Dentre as teorias geradas pela geografia na perspectiva da conexão entre as partes de um todo, a noção de análise integrada trazida pela teoria geral dos sistemas de Bertalanffy (1975) fora adaptada por Sotchava (1977) na perspectiva de agregar os elementos componentes do meio natural e o fator humano e assim, unidades de paisagem que guardam certa interação entre seus componentes passam a denominar-se de geossistema e podem ser avaliadas dentro desta concepção. Este artigo objetiva trazer algumas considerações de ordem teórica, acerca da aplicação da teoria dos geossistemas e sua efetividade à análise da natureza no âmbito da geografia.


Palavras-chave


Estudo da Natureza. Análise Integrada. Geografia Física. Geossistema

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26694/equador.v2i1.1125

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista da Pós-graduação em Geografia, do Centro de Ciências Humanas e Letras da UFPI

 ISSN 2317-3491

A Revista está atualmente indexada às seguintes bases de dados: LATINDEX, DIADORIM, IBICT/SEER, SUMÁRIOS.ORG, PERIÓDICO CAPES, GOOGLE ACADÊMICO, GENAMICS JOURNAL SEEK.

A REVISTA EQUADOR faz uso do DOI (Digital Object Identifier), através da associação com o CrossRef.