DINÂMICA TERRITORIAL NO MUNICÍPIO DE CÁCERES-MT: conflitos na produção e uso do território

Tânia Paula da Silva, Valéria de O’Loiola

Resumo


Na atualidade, verifica-se o avanço acelerado na produção de soja em grande parte do Estado de Mato Grosso e, mais recentemente, essa agricultura empresarial produtivista passa a ser inserida no município de Cáceres, com forte aporte de inovações tecnológicas. Situação que tem gerado, neste município, tensão e conflitos entre os movimentos socioambientais e o agronegócio pela apropriação e uso do território cacerense. Deste modo, busca-se neste artigo analisar as novas dinâmicas do território cacerense no atual contexto de expansão do agronegócio da soja, bem como a tensão e os conflitos socioterritoriais decorrentes desta expansão. A pesquisa de natureza qualitativa, envolveu revisão bibliográfica para construção do embasamento teórico; trabalhos de campo para diálogos com os movimentos socioambientais em Cáceres e, por fim, coleta de dados e informações nas instituições públicas locais. Em Cáceres-MT o avanço do agronegócio da soja tem provocado grande pressão socioambiental e territorial nos camponeses e nas comunidades tradicionais locais, compostas por ribeirinhos, pescadores, quilombolas, dentre outros, na medida em que tem se apresentado como único modelo produtivo capaz de promover o crescimento econômico e o desenvolvimento do município e região. Contudo, as resistências contra esse modelo de desenvolvimento excludente e antagônico emergem nas lutas empenhadas pelos camponeses, comunidades tradicionais e os diversos grupos socioambientais.


Palavras-chave


Território; Conflitos; Movimentos Socioambientais

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26694/equador.v8i3.9386

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista da Pós-graduação em Geografia, do Centro de Ciências Humanas e Letras da UFPI

 ISSN 2317-3491

A Revista está atualmente indexada às seguintes bases de dados: LATINDEX, DIADORIM, IBICT/SEER, SUMÁRIOS.ORG, PERIÓDICO CAPES, GOOGLE ACADÊMICO, GENAMICS JOURNAL SEEK.

A REVISTA EQUADOR faz uso do DOI (Digital Object Identifier), através da associação com o CrossRef.